APH

APH

Bahia luta, mas perde e é ultrapassado pelo Goiás

Tricolor não conseguiu segurar pressão
O sonho Libertadores ficou ainda mais distante para o Bahia após nova derrota, neste domingo (24), para o Goias, no Estádio Serra Dourada, pelo placar de 4 a 3. O Tricolor de Aço estacionou nos 44 pontos e viu o Esmeraldino ultrapassar na tabela, com 46 pontos, que agora fica com a 9ª colocação, antes ocupada pela equipe baiana.
O início de jogo não poderia ter sido pior para o time comandado pelo técnico Roger Machado. Apático, o Esquadrão viu o adversário ‘passar o trator’. Aos 12 minutos, o placar já marcava 2 a 0 para os donos da casa. Aos oito minutos, Rafael Moura cabeceia livre na pequena área após cruzamento. O gol foi validado depois de consulta ao VAR.
Quatro minutos depois, Michel aproveitou cruzamento rasteiro, bateu de primeira e aumentou o placar. Sentindo os golpes, o Bahia pouco fez no restante do primeiro tempo. Num dos poucos lances de perigo, uma bola chutada bate no braço de e Leandro Barcia dentro da área do Goiás. Após consulta, nada foi marcado.   
O segundo tempo começou agitado e com o time baiano mais atento. Aos 12 minutos, após lançamento, Gilberto apareceu livre, avançou e chutou a saída do goleiro: 2 a 1. Porém, aos 25, o Marcelo cobra falta, Gilberto cabeceia e cobre Douglas e aumenta a diferença novamente.
Mesmo com o revés, o Bahia não desistiu. Seis minutos depois, João Pedro arrisca de longe e marca um belo gol. Mas no lance seguinte, após cruzamento na área Leandro Barcia desvia de cabeça, e Marlone completa para o gol. Ainda deu tempo para Fernandão marcar aos 45. Final 4 a 3.
O próximo adversário do Bahia será o Atlético-MG, na próxima quarta-feira (27), na Arena Fonte Nova, às 21h.
FICHA TÉCNICA
Goiás x Bahia
Campeonato Brasileiro Série A
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA-MG)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (FIFA-MG) e Felipe Alan Costa de Oliviera (MG)
GOIÁS: Tadeu; Yago Rocha, Rafael Vaz, Fábio Sanches e Marcelo Hermes; Gilberto, Léo Sena e Thalles; Michael, Leandro Bárcia e Rafael Moura. Técnico: Ney Franco
BAHIA: Douglas; João Pedro, Wanderson, Juninho e Moisés; Gregore, Ronaldo e Lucca; Arthur Caíke, Élber e Gilberto. Técnico: Roger Machado

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.