APH

APH

Juízes votam a favor da absolvição de Targino Machado; placar está 3 a 3

Voto de desempate será feito pelo juiz eleitoral Freddy Pitta Lima na continuação da sessão, nesta terça-feira (19)
O placar do processo de cassação do deputado estadual e líder da oposição na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) Targino Machado (DEM), está empatado em 3 a 3, após os votos favoráveis a absolvição dados pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA), Jatahy Júnior, e o juiz Diego Castro, na continuação do julgamento que aconteceu nesta segunda-feira (18).
A sessão para decidir o futuro do parlamentar vai ter continuidade nesta terça-feira (19), por conta do pedido de vistas do juiz Freddy Pitta Lima, que dará o voto de desempate. Votaram a favor da cassação, a juíza Patrícia Kertzman e o juiz Antônio Oswaldo Scarpa.
Targino é acusado de realizar consultas médicas em troca de votos de pacientes em seu reduto político, Feira de Santana. O relator do processo, José Edvaldo Rocha Rotondano, diz que o parlamentar pedia o título de eleitor para poder fazer as consultas e também fazia promoção de sua imagem no consultório.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.