APH

APH

Ambulantes da Sales Barbosa voltam a se reunir para discutir realocação para o Shopping Popular


O secretário Antônio Carlos Borges Junior destacou que a reunião faz parte da continuidade dos trabalhos no sentido de organizar a transferência dessas ambulantes para o centro comercial.
Uma reunião foi realizada na noite de ontem (9) entre o governo municipal e vendedores ambulantes da Sales Barbosa e transversais para definir detalhes com relação a realocação para o Shopping Popular, que está sendo construído no Centro de Abastecimento.
O secretário de Desenvolvimento Econômico, Antônio Carlos Borges Junior, destacou que a reunião faz parte da continuidade dos trabalhos no sentido de organizar a transferência dessas ambulantes para o centro comercial, que, segundo ele, deve ser entregue no mês de julho.
“Já fizemos reuniões com ambulantes da Rua Marechal Deodoro, da Senhor dos Passos, da Rua Recife e como o calçadão da Sales Barbosa é o que tem maior contingente, estamos indo para a segunda reunião para fazer a setorização e discutir algumas questões que ainda faltam para a homologação. As informações dão conta de que a obra está na sua finalização, temos a expectativa que já no mês de julho a gente possa dar esse equipamento para a comunidade feirense e agora vem as questões operacionais de como vai ser a transferência”, afirmou.
Segundo o secretário, o município já está com alguns arquitetos na cidade, contratados pela empresa, e cada ambulante vai até a obra fazer a sua homologação, ou seja, definir se realmente vai querer continuar naquela atividade e qual o tamanho de Box que ele vai assumir.
“No momento em que ele foi cadastrado, ele informou isso. Como agora é a hora dos ajustes, é necessário que o próprio ambulante fale para a realização do contrato e a formatação da estrutura. O calçadão tem aproximadamente 800 ambulantes, incluindo algumas ruas adjacentes. Então ali representa de 30 a 40 % do total de ambulantes cadastrados e essas reuniões são para explicar esses procedimentos e as pessoas entenderem como será daqui pra frente”, explicou.
O Ministério Público também participou da reunião. De acordo com o promotor Sávio Damasceno, o órgão está acompanhando de perto e verificando o que pode ser feito para contribuir com o desenvolvimento do trabalho.
“O objetivo de acompanhar a reunião é dentro da nossa atribuição, acompanhar os trabalhos que estão sendo desenvolvidos em relação ao shopping popular. O MP tem acompanhado na medida do possível e dentro daquilo que entende ser mais relevante. Não podemos abraçar todo o desenvolvimento desse trabalho, mas a gente foca naquilo que entendemos dar mais resultado”, afirmou.
Tecnologia do Blogger.