APH

APH

FHC defende que Reforma da Previdência busque redução da desigualdade social



O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) defendeu neste domingo (12) que a reforma da Previdência tenha o objetivo de reduzir a desigualdade social. “Ouvi depoimento do economista, que não conheço, Eduardo Moreira sobre a reforma da Previdência: o ponto dele é correto, tiremos dos que mais ganham, não dos pobres", escreveu no seu perfil no Twitter.
FHC também afirmou que a reforma é necessária, e que deve ir além da mera perspectiva de buscar um impacto positivo no atual quador de endividamento público. Na publicação, o tucano se refere ao economista Eduardo Moreira.


Moreira participou na última quinta-feira (9) da comissão especial que discute o projeto da reforma na Câmara. Na ocasião, o economista defendeu que a reforma não interfira nos mais pobres e questionou a eficácia do sistema de capitalização proposto pelo governo.
A publicação gerou reações na rede, entre elas, a da deputada federal e líder do Governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL). A parlamentar alfinetou o ex-presidente ao dizer que seu governo fracassou ao tentar implementar uma reforma da previdência anos atrás. Hasselmann argumentou que a nova presidência busca proporcionar que ricos e pobres se aposentam com a mesma idade.

Tecnologia do Blogger.