Menina dá entrada no HEC com moeda na garganta e aguarda mais de 24 horas por regulação



À família, hospital informou que não havia gastro disponível para atender a garota.

Menina dá entrada no HEC com moeda na garganta e aguarda mais de 24 horas por regulação



Uma menina de 3 anos de idade foi internada desde as 14h de terça-feira (27), no Hospital Estadual da Criança (HEC), após engolir uma moeda, que ficou presa na garganta, e ficou aguardando por uma regulação para Salvador, que só saiu às 17h de ontem (28).



De acordo com a mãe de Sophia de Assis Mota, Liliane de Assis Mota, que mora no bairro Brasília, a garota estava no quarto, quando falou para a tia que havia engolido a moeda. A menina então foi levada para o HEC, que informou que não havia gastro disponível no local e encaminhou um pedido de regulação.

“O Hospital estava esperando a resposta de Salvador porque não tem médico que atenda em Feira. Ela precisava de um gastro, estava chorando muito, com fome. Ficou no soro, e a alegação do hospital é que não tem gastro. Ela estava aguardando uma regulação para Salvador porque tem que retirar através de endoscopia”, informou Liliane de Assis.

Em nota, o Hospital informou que mesmo havendo gastroenterologista na unidade, a regulação da criança se fez necessária. Confira:

A respeito da paciente atendida no Hospital Estadual da Criança de Feira de Santana, após ingerir uma moeda, o HEC, por meio da Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil, esclarece que a paciente deu entrada na unidade, onde a mesma foi atendida com os melhores cuidados de saúde. Mesmo havendo gastroenterologista na unidade, a sua regulação se fez necessária e a Central Estadual de Regulação fez a busca e a liberação da vaga, a transferindo para Salvador.

Acorda cidade

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.